O "site" oficial do futebol europeu

Vučinić salva Juventus em casa do Nordsjælland

Publicado: Terça-feira, 23 de Outubro de 2012, 23.05CET
FC Nordsjælland 1-1 Juventus
Os campeões dinamarqueses pareciam perto do primeiro triunfo na fase de grupos, mas viram Mirko Vučinić fazer o empate a nove minutos do final.
por Trevor Haylett
de Parken
Vučinić salva Juventus em casa do Nordsjælland
O defesa Lúcio, da Juventus, e o autor do golo do Nordsjælland, Mikkel Beckmann, lutam pela bola ©AFP/Getty Images

Estatísticas dos jogos

NordsjællandJuventus

Golos marcados1
 
1
à baliza5
 
15
para fora3
 
15
Cantos5
 
18
Foras-de-jogo1
 
9
Faltas cometidas10
 
11
Cartões amarelos2
 
2
Cartões Vermelhos0
 
0
Posse de bola(%)47
 
53

Classificação

Última actualização: 19/06/2013 21:56 CET

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
 
Publicado: Terça-feira, 23 de Outubro de 2012, 23.05CET

Vučinić salva Juventus em casa do Nordsjælland

FC Nordsjælland 1-1 Juventus
Os campeões dinamarqueses pareciam perto do primeiro triunfo na fase de grupos, mas viram Mirko Vučinić fazer o empate a nove minutos do final.

O FC Nordsjælland deixou escapar o primeiro triunfo na fase de grupos da UEFA Champions League, com Mirko Vučinić a sair do banco para dar um ponto à Juventus.

Mikkel Beckmann apontou o primeiro golo na prova aos cinco minutos do segundo tempo e colocou a equipa da casa em vantagem, enquanto os italianos, que já foram duas vezes campeões europeus, sentiram muitas dificuldades para ultrapassar o guarda-redes Jesper Hansen. Vučinić conseguiu marcar a nove minutos do final e deu o terceiro empate consecutivo no Grupo E aos líderes da Serie A.

O final frenético contrastou em absoluto com o início morno do encontro. Ambas as equipas entraram cautelosas, alternando os erros de principiantes com boas jogadas a meio-campo. Vučinić começou no banco por ter sofrido de uma gripe, mas a parceria atacante constituída por Alessandro Matri e Sebastian Giovinco deixou bons indícios. A Juventus também criava perigo nas jogadas de bola parada e Leonardo Bonucci esteve perto de marcar com um remate de cabeça.

Quando o Nordsjælland começou a subir no terreno, Gianluigi Buffon mostrou toda a sua experiência para afastar o perigo, defendendo um disparo de Kasper Lorentzen com uma palmada. Joshua John surgiu desmarcado atrás da defesa italiana, mas Buffon saiu da área e mostrou toda a sua classe ao evitar o chapéu com o peito.

O jogo tinha entrado num ritmo animado e surgiram mais oportunidades de golo. O primeiro tempo terminou com Giovinco a usar a sua baixa estatura para colocar em risco as esperanças dos nórdicos somarem os primeiros pontos na prova, rematando às malhas laterais na sequência de mais uma rápida investida.

Andreas Laudrup, filho de Michael, um jogador que brilhou na Juve na década de 1980, fez uma boa exibição na estreia na UEFA Champions League e conquistou o livre que permitiu o golo histórico do Nordsjælland. Beckmann marcou a falta de forma soberba, levando a bola a contornar a barreira e tornando inútil a estirada de Buffon.

Hansen defendeu de forma brilhante um cabeceamento de Giovinco e um livre de Pirlo, mas nada pôde fazer face a um remate de primeira de Vučinić. Um golo do internacional dinamarquês Nicklas Bendtner ao cair do pano teria sido um castigo demasiada pesado para a equipa da casa, mas o cabeceamento do suplente da Juve saiu ao lado da baliza.

Última actualização: 25-10-12 0.22CET

http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/season=2013/matches/round=2000347/match=2009528/postmatch/report/index.html#nordsjælland+trava+juve

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • As palavras CHAMPIONS LEAGUE e UEFA CHAMPIONS LEAGUE, o logótipo e o troféu da UEFA Champions League e o logótipo da Final da UEFA Champions League estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.