Equipa da Época da UEFA Champions League

Os Observadores Técnicos da UEFA escolheram os 18 jogadores para integrarem a equipa desta época da UEFA Champions League.

©Getty Images

Guarda-redes

Keylor Navas (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: Uma época sólida e fez defesas quando foi necessário.

Alisson Becker (Roma)
Observadores técnicos afirmam: Fez excelentes exibições na caminhada até às meias-finais. As inúmeras defesas que fez frente ao Shakhtar mantiveram a equipa na discussão da eliminatória.

Defesas

Joshua Kimmich (Bayern)
Observadores técnicos afirmam: O enérgico defesa-direito ajudou o Bayern a atingir as meias-finais e o excelente golo que marcou nas meias-finais fez a equipa acreditar.

Sergio Ramos (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: O defesa voltou a ser o talismã do campeão na conquista do “hat-trick”.

Marcelo (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: Dá largura à equipa e constitui uma incrível ameaça atacante pelo flanco esquerdo.

Giorgio Chiellini (Juventus)
Observadores técnicos afirmam: O líder da defesa da Juve esteve no centro de brilhantes exibições defensivas em Londres e em Madrid.

Virgil van Dijk (Liverpool)
Observadores técnicos afirmam: Chegou ao Liverpool apenas em Janeiro, mas  trouxe tranquilidade e estabilidade na fase decisiva da época.

Raphaël Varane (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: O parceiro defensivo de Sergio Ramos já mostrou que também tem um nível altíssimo.

Médios

Kevin De Bruyne (Manchester City)
Observadores técnicos afirmam: O médio completo, com a capacidade técnica e física para desempenhar qualquer papel no meio-campo.

Casemiro (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: O âncora do trio de meio-campo incrivelmente equilibrado do Real Madrid.

Luka Modrić (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: Sempre disponível para receber a bola, é importantíssimo para a forma como os campeões querem jogar.

Toni Kroos (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: Tranquilo com a bola e muito seguro no passe, e com Modrić dá fluidez ofensiva ao jogo do Real Madrid.

James Rodríguez (Bayern München)
Observadores técnicos afirmam: Excelentes exibições na fase a eliminar, especialmente na segunda mão com o Real Madrid.

Avançados

Edin Džeko (Roma)
Observadores técnicos afirmam: Um brilhante golo com um remate de primeira no jogo com o Chelsea na fase de grupos foi o ponto alto da temporada, mas marcou oito tentos fundamentais para os italianos atingirem as meias-finais.

Roberto Firmino (Liverpool)
Observadores técnicos afirmam: Conseguiu combinar uma enorme determinação e competitividade com capacidade técnica, marcou dez golos na prova.

Lionel Messi (Barcelona)
Observadores técnicos afirmam: O atacante mais cotado do Barcelona fez a diferença nos dois jogos dos oitavos-de-final com o Chelsea.

Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
Observadores técnicos afirmam: O melhor marcador da competição pelo sexto ano consecutivo e autor do golo do ano para os Observadores Técnicos.

Mohamed Salah (Liverpool)
Observadores técnicos afirmam: O atacante do Liverpool teve uma época incrível, fez a diferença nas meias-finais e a sua saída forçada na final alterou radicalmente o jogo.

Observadores Técnicos da UEFA em Kiev
Jerzy Engel (POL), Thomas Schaaf (GER), Mixu Paatelainen (FIN), Peter Rudbæk (DEN), Cristian Chivu (ROU), David Moyes (SCO)

Topo