UEFA Champions League em directo

Saiba as últimas das 16 equipas em prova antes dos oitavos-de-final

Encerrado
08-02-2016
Filtros
Clubes
Jogos
  • Todos os clubes,
  • Todos os jogos
Reiniciar X

Os oitavos-de-final da UEFA Champions League arrancam a 16 de Fevereiro, terça-feira.
O calendário completo de jogos pode ser consultado aqui.
 Os clubes puderam inscrever um máximo de três novos jogadores para as eliminatórias. - veja que entrou e quem saiu
 Sabe o que nos diz a história sobre a edição deste ano? O UEFA.com foi investigar
Não se esqueça de alterar a sua equipa no Fantasy Football antes do final do prazo, na próxima semana.

Catorze das 16 equipas que vão disputar os oitavos-de-final estiveram em acção no fim-de-semana - o UEFA.com foi ver como se  portaram ...

O treinador do Bayern München, Josep Guardiola, destacou a actuação a defesa-central de Joshua Kimmich que teve um "enorme desempenho" no empate a zero frente ao Bayer Leverkuse, no sábado. O médio, que faz hoje 21 anos, foi titular ao lado de Holger Badstuber numa altura em que o Bayern continua privado do concurso de quatro defesas-centrais. "Javier Hernández e Stefan Kiessling não tiveram uma ocasião em todo o jogo," explicou Guardiola. Kimmich afirmou: "A equipa faz com que o meu trabalho seja fácil. Quando se tem tantos jogadores de classe mundial ao nosso lado, automaticamente ficamos bons e jogamos a um grande nível".

©Getty Images

Os atacantes ainda em prova nos oitavos-de-final, Karim Benzema, Luis Suárez e Jonas reforçaram as suas posições na tabela da Bota de Ouro ESM, este fim-de-semana. O segundo da tabela é Jonas, que deu um grande salto na classificação, ao bisar na vitória do Benfica por 5-0 no reduto do Belenenses. 

1. Gonzalo Higuaín (Napoli) 24 golos x 2 = 48
2. Jonas (Benfica) 23 x 2 = 46
3. Pierre-Emerick Aubameyang (Borussia Dortmund) 20 x 2 = 40
Luis Suárez (Barcelona) 20 x 2 = 40
5. Karim Benzema (Real Madrid) 19 x 2 = 38
Robert Lewandowski (Bayern München) 19 x 2 = 38
Cristiano Ronaldo (Real Madrid) 19 x 2 = 38
8. Jamie Vardy (Leicester City) 18 x 2 = 36
Eran Zahavi (Maccabi Tel-Aviv) 24 x 1.5 = 36
10. Nemanja Nikolić (Legia Warszawa) 22 x 1.5 = 33
Alex Teixeira (Shakhtar Donetsk) 22 x 1.5 = 33

©AFP/Getty Images

Apesar da vitória de domingo por 2-1 em Marselha para a Ligue 1, Laurent Blanc não estava particularmente impressionado com o Paris, dando disso nota: "Cometemos demasiados erros... Faltou-nos atitude se a compararmos com a que habitualmente utilizamos." O capitão Thiago Silva elogiou a equipa pelo "bom jogo", com o defesa Serge Aurier a acrescentar: "Mostrámos um bom espírito. Foi uma boa preparação para o jogo com o Chelsea. Defrontámos um adversário que queria salvar a sua temporada. Perdemos a concentração depois de inaugurármos o marcador. Os nossos adeptos estão contentes com o resultado, mas não com a maneira como jogámos".

©AFP/Getty Images

"ão jogámos como equipa", disse o treinador do Wolfsburg, Dieter Hecking, depois da derrota de sábado por 3-0 na visita ao Schalke, que aumentou para sete os jogos sem vitória na Bundesliga, que fazem com que se tema o pior para o encontro dos oitavos-de-final com o Gent. "Nesta altura - e temos de ser muito honestos sobre isto - nada de positivo há a indicar".

©Getty Images

Franck Ribéry, que participou apenas em duas partidas oficiais esta temporada, está de regresso aos treinos com o Bayern München. O extremo francês, que voltou a parar depois de um curto regresso no começo de Dezembro, parece estar completamente recuperado de uma lesão muscular.

Kurt Zouma deverá falhar o resto da época depois dos exames efectuados terem confirmado uma lesão nos ligamentos do joelho, contraída no empate 1-1 de domingo na recepção ao Manchester United. O sonho do defesa do Chelsea em disputar o UEFA EURO 2016 em França parece ter terminado.

O médio do Paris, Thiago Motta, falou sobre o jogo da próxima semana com o Chelsea numa rádio francesa, apresentado pelo antigo médio do PSG e da França, Luis Fernández.


É bem mais difícil para o Chelsea estar sem [José] Mourinho. Mudaram o seu estilo. Com Mourinho, eles não queriam a bola jogavam um futebol de contra-ataque. Hoje eles querm jogar.

Na Europa, cinco ou seis equipas podem ganhar. A Juventus deu o exemplo ao chegar à final, tal como o Atlético. Porque não o PSG?

Fabio Capello – que treinou as duas equipas – avisou que o Real Madrid não deverá subestimar a Roma nos oitavos-de-final. "Têm de estar concentrados, pois a Roma é uma equipa perigosa e o jogo não será nada fácil", explicou o antigo seleccionador da Inglaterra e Rússia. "[O novo treinador Luciano] Spalletti está a fazer a diferença. Com ele no banco, a Roma venceu os últimos três jogos e vê-se que os jogadores confiam no novo treinador. A Roma é uma equipa muito bem organizada nesta altura. Pressionam muito e conseguem recuperar a bola rapidamente. São uma equipa completamente diferente."

©Vijesti

O capitão do Benfica, Luisão, foi operado ontem de novo ao antebraço esquerdo, depois de se ter lesionado num treino, na semana passada. O defesa-central, de 34 anos, não joga desde que se lesionou frente ao Sporting, a 21 de Novembro, na partida que ditou a eliminação dos "encarnados" da Taça de Portugal e estava perto do regresso quando se voltou a lesionar. Não é conhecida a data do regresso, mas é para já certa a ausência do encontro nos oitavos-de-final da UEFA Champions League frente ao Zenit.

Barcelona fez a seguinte declaração sobre Lionel Messi. Os Blaugrana, que venceram 7-0 na primeira mão, defrontam quarta-feira o Valência para a segunda mão da meia-final da Taça de Espanha.

 

O avançado do FC Barcelona, Lionel Messi, vai ser submetido a vários testes na segunda e terça-feira para atestar da evolução dos problemas de rins que o assolam desde Dezembro. Messi vai regressar aos seus compromissos normais com a primeira equipa na quarta-feira.

O médio da Juventus, Sami Khedira, está a procurar acelerar a recuperação da lesão que tem na coxa contraída a 31 de Janeiro, frente ao Chievo. O médio da Alemanha colocou uma fotografia no Instagram, com a legenda 'sessão noctura', de trabalho no ginásio. Os Bianconeri enfrentam o Nápoles no desafio entre os dois da frente na Serie A no sábado e recebem o Bayern München para a primeira mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League, a 23 de Fevereiro.

 

 

Night Session ✌🏽️

Una foto pubblicata da Sami Khedira (@sami_khedira6) in data:

O defesa da Juventus, Giorgio Chiellini, vai estar fora durante três semanas depois de se ter lesionado nos gémeos durante a vitória dos Bianconeri por 2-0 na casa do Frosinone, no domingo. Chiellini vai assim falhar a primeira mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League frente ao Bayern München, a 23 de Fevereiro, mas poderá estar apto para o jogo na Alemanha, três semanas depois.

Boa notícia para o Atlético Madrid que renovou o contrato com o guardião esloveno por mais um ano.

Real Madrid anunciou que o defesa-esquerdo Marcelo deslocou um ombro na vitória por 2-1 sobre o Granada, no domingo. Apesar dos "merengues" ainda não terem informado o tempo de paragem do internacional brasileiro, a sua participação na primeira mão dos oitavos-de-final frente à Roma, a 17 de Fevereiro, é uma séria dúvida.

©Getty Images

Calum Chambers, do Arsenal, mostra que domina a arte de fazer panquecas (à terceira)...

Três equipas ainda em prova na UEFA Champions League vão jogar para as Taças dos respectivos países esta noite: Bochum - Bayern, Valência - Barcelona e Paris Saint-Germain - Lyon.

Josep Guardiola deverá proporcionar a Serdar Tasci a sua estreia pelo Bayern e o técnico da turma bávara estará, certamente, atento ao que se vai passar em Valência, com Luis Enrique a apenas um jogo de quebrar o recorde de 28 jogos sem perder do Barcelona de Guardiola.

©Getty Images

Conseguirá alguém travar o Paris Saint-Germain esta temporada?

PSGPSG

Um novo recorde para o Barcelona de Luis Enrique, após o empate 1-1 em Valência: 29 jogos sem perder. Será este Barça melhor do que o de Josep Guardiola, que até aqui detinha o recorde?

Uma noite feliz para Barcelona, Bayern München e Paris.

Dieter Hecking, treinador de Wolfsburgo, falou sobre as dificuldades de tentar recuperar a confiança da sua equipa. A menos de uma semana de disputar a primeira mão dos oitavos-de-final contra o Gent, a série de sete jogos seguidos na Bundesliga sem vencer tem causado preocupação.

 “É algo que temos de trabalhar bem esta semana, a outra é fazer bem o trabalho dentro de campo. Não podemos lidar com as contrariedades da mesma forma que o fizemos na época passada. Agora é tudo uma questão de novamente descobrir a união como equipa. Uma verdadeira equipa tem que passar por momentos em que não é tão bem-sucedida”.     

©Getty Images

Na frente da Liga portuguesa, em igualdade pontual com o Sporting CP, o Benfica vai receber esta noite o terceiro, classificado, FC Porto, que se encontra seis pontos abaixo. Os "encarnados" seguem numa série de oito vitórias consecutivas na prova - 11 no conjunto de todas as competições - e espera-se lotação esgotada, com os adeptos a acreditarem cada vez mais na conquista do terceiro título de campeão consecutivo, algo que as "águias" não conseguem desde.

Entre os convocados, a principal novidade é o regresso aos convocados do extremo Eduardo Salvio após oito meses de ausência, devido a uma lesão num joelho. O capitão Luisão, contudo, fica de fora, e outro defesa-central, o argentino Lisandro López, permanece em dúvida.

O treinador Rui Vitória afirmou: "Estamos ansiosos por vencer e oferecer um presente aos adeptos. Nestes jogos não há favoritos, vai ser 50-50, como sempre, embora tenhamos a vantagem do factor casa. São duas equipas com muitos pontos fortes e, claro, também algumas fraquezas, mas não vamos alterar a nossa habitual abordabem aos jogos".

©AFP/Getty Images

O Bayern ainda não fez uma má exibição desde o regresso após a paragem de Inverno, mas também nenhuma dessas actuações foi particularmente brilhante, situação que está prestes a mudar, de acordo com o treinador Josep Guardiola. "Temos de começar a jogar jogos de três em três ou quatro dias o mais rapidamente possível", afirmou. "Apenas esse ritmo nos colocará no caminho certo, pois assim não teremos tempo para pensar em mais nada a não ser futebol".

Guardiola afirmou que não se encontrou com Carlo Ancelotti, embora o italiano tenha passado algum tempo em Munique à procura de casa, antes de assumir o comando do Bayern, no próximo Verão. Ainda assim, mostra-se disponível a falar com o seu sucessor nos próximos tempos: "Se for para o bem do Bayern, estou totalmente á disposição", garantiu.

©Getty Images

Laurent Blanc espera ter a equipa na sua máxima força quando o Paris defrontar o Chelsea na terça-feira. "Quanto mais o tempo passa, menos jogadores lesionados temos", destacou antes do encontro de amanhã com o LOSC Lille. "São boas notícias." Javier Pastore (gémeos) e Marco Verratti (virilha) serão reavaliados ainda esta sexta-feira para determinar se se encontram aptos a jogar.


©AFP/Getty Images

Mbark Boussoufa teve um regresso triunfal ao Gent ao apontar o golo inaugural do triunfo por 2-0 sobre o Mouscron-Péruwelz. Boussoufa, que deixou o Gent em 2006 para rumar ao Anderlecht mas regressou agora, por empréstimo do Lokomotiv Moskva, saltou do banco ao minuto 27 e inaugurou o marcador cinco minutos mais tarde. Danijel Milicevic selou o triunfo já nos descontos e o Gent isolou-se assim, provisoriamente, no topo da tabela da Liga belga.

©AFP/Getty Images

Com dois golos já perto do fim, a Roma ascendeu ao terceiro lugar da Serie A ao bater fora o Carpi por 3-1. A turma da capital abriu o activo aos 56 minutos, num remate de longe de Lucas Digne, mas os anfitriões responderam e restabeleceram a igualdade aos 61. Edin Džeko deu, depois, o melhor seguimento a um passe atrasado de Mohamed Salah, aos 84 minutos, e seria mesmo o internacional egípcio a selar a vitória, um minuto mais tarde.

©AFP/Getty Images

O Porto colocou-se a três pontos do Benfica ao vencer por 2-1 no tereno das "águias", líderes da tabela em igualdade pontual com o Sporting. Invictos há 14 jogos na Liga portuguesa, os "encarnados" marcaram primeiro, por intermédio de Kostas Mitroglou, aos 18 minutos, mas Hector Herrera restabeleceu a igualdade dez minutos mais tarde e Vincent Aboubakar marcou o golo da reviravolta aos 65 minutos.

©AFP/Getty Images

Paris Saint-Germain 0-0 LOSC Lille
O Lille interrompeu a série de 16 vitórias seguidas do Paris em todas as competições. Laurent Blanc poupou Zlatan Ibrahimović, Maxwell, Thiago Motta e Thiago Silva de fora com vista ao encontro frente ao Chelsea na terça-feira. Javier Pastore (gémeos) e Marco Veratti (adutor), ausentes, respectivamente, desde 16 e 31 de Janeiro, regressaram de lesões.

©AFP/Getty Images

Real Madrid 4-2 Athletic Club (Ronaldo 3 87, James Rodríguez 37 Kroos 45; Eraso 10, Elustondo 90)
Os da casa aumentaram para 37 golos marcados nos últimos sete jogos na condição de visitado para o campeonato, com Cristiano Ronaldo a bisar e a garantir os três pontos para o Real Madrid. Sob o comando de Zinédine Zidane, a formação da capital vai em seis jogos sem perder. 

©AFP/Getty Images

Wolfsburg 2-0 Ingolstadt (Draxler 29, Knoche 39)
O Wolfsburg averbou a sua primeira vitória em seis jogos em todas as competições, mas continua no oitavo posto da Bundesliga. Robin Knoche, que fez o segundo jogo da temporada depois de de debelar uma lesão grave no tornozelo, marcou o primeiro golo desde 30 de Novembro de 2014.

©Getty Images

Mais problemas de lesões para o treinador interino do Chelsea, Guus Hiddink. Seis dias depois de Kurt Zouma se ter lesionado nos ligamentos do joelho do tornozelo direito frente ao Manchester United, o capitão John Terry saiu durante a vitória por 5-1 sobre o Newcastle United, este sábado.

Chelsea 5-1 Newcastle United (Diego Costa 5, Pedro Rodríguez 9 59, Willian 17, Traoré 83; Townsend 90)
O triunfo mais dilatado do Chelsea na Premier League foi ofuscado pela lesão do capitão John Terry, que foi substituído por Baba Rahman a sete minutos do intervalo. Depois de marcar na Taça de Inglaterra no mês passado, Bertrand Traoré, de 20 anos, marcou o seu primeiro no campeonato pelos Blues, que não perdem há 12 jogos desde a saída de José Mourinho.

©AFP/Getty Images

Juventus 1-0 Nápoles (Zaza 88)
O entrado Simone Zaza resolveu a favor da Juventus o jogo grande da jornada na Serie A, com um colocado remate de pé esquerdo, à entrada da área. A 15ª vitória seguida dos "bianconeri" no campeonato permitiu-lhes chegar à liderança pela primeira vez esta temporada, com um ponto de vantagem sobre os napolitanos, que, por seu lado, haviam vencido os últimos oito jogos. No entanto, o triunfo foi em parte ofuscado pela perda do defesa-central Leonardo Bonucci ,no início da segunda parte, devido a uma lesão no joelho, estando essim em risco para a primeira mão do confronto com o Bayern, a 23 de Fevereiro.

©Getty Images

Arsenal 2-1 Leicester (Walcott 70, Welbeck 90+5; Jamie Vardy 45pen)
Danny Welbeck foi decisivo no regresso após lesão e marcou o golo ao cair do pano que deixou o Arsenal a dois pontos do Leicester, que continua na liderança da Premier League. O internacional inglês, que disputou o primeiro jogo desde 26 de Abril de 2015, saiu do banco para desviar um livre de Mesut Özil em período de compensação e bater Kasper Schmeichel. Jamie Vardy tinha colocado os visitantes em vantagem ao converter uma grande penalidade na primeira parte, mas Danny Simpson foi expulso após o intervalo. Theo Walcott fez o empate nove minutos depois de entrar em jogo, antes de Welbeck garantiu um triunfo dramático vitória que deixou os “gunners” no segundo lugar.

Litex Lovech 1-1 Dynamo Kyiv (Garmash 24pb; Sydorchuk 19)
Andriy Yarmolenko (na fotografia) regressou após uma lesão e ajudou a equipa dos portugueses Antunes e Miguel Veloso a empatar com os búlgaros do Litex num encontro particular disputado em Espanha. O avançado marcou o pontapé de canto que permitiu a Serhiy Sydorchuk inaugurar o marcador aos 19 minutos. A vantagem durou pouco tempo, já que Denys Garmash fez um auto-golo que determinou o resultado final.

©Getty Images

NEC 0-3 PSV (De Jong 16, Locadia 67, Van Ginkel 75)
O médio Marco van Ginkel, que está emprestado pelo Chelsea, marcou pela segunda semana consecutiva e ajudou os líderes da Liga holandesa a somarem a sétima vitória seguida. Luuk de Jong apontou o 17º golo no campeonato, antes dos visitantes perderam Jorrit Hendrix, aos 24 minutos, após uma colisão numa jogada aérea. Jürgen Locadia aumentou a vantagem após o intervalo, marcando pela primeira vez em sete jogos, e Van Ginkel estabeleceu o resultado final. A equipa de Phillip Cocu continua na liderança com um ponto de vantagem sobre o Ajax.

Manchester City 1-2 Tottenham (Iheanacho 74; Kane 53pen, Eriksen 83)
A equipa de Manuel Pellegrini caiu para quarto lugar da Premier League, a seis pontos da liderança, depois de perder dois jogos consecutivos em casa para o campeonato pela primeira vez desde 15 de Dezembro de 2008. Harry Kane apontou o 15º golo em 17 jogos e Christian Eriksen marcou ao cair do pano no dia do seu 24º aniversário, permitindo aos “spurs” somarem o quinto triunfo consecutivo no campeonato e a subida ao segundo posto. Este foi um rude golpe nas esperanças do Manchester City chegar ao título, mas a equipa pôde contar pela primeira vez com o capitão Vincent Kompany desde 26 de Dezembro de 2015.

Más notícias para  Atlético antes do jogo em casa do PSV, a 24 de Fevereiro, a contar para a primeira mão dos oitavos-de-final...

Augsburg 1-3 Bayern (Bobadilla 86; Lewandowski 15 62, Müller 78)
Robert Lewandowski voltou a bisar, foi a quarta vez em 2016, e ajudou o campeão Bayern a regressar às vitórias e a ficar com oito pontos de vantagem na liderança da Bundesliga. Lewandowski apontou o 20º golo no campeonato na primeira parte e fez o 31º da época após o intervalo. Thomas Müller confirmou o triunfo fora de casa aos 12 minutos da segunda parte. David Alaba jogou ao lado de Josué Kimmich no centro da defesa, já que Holger Badstuber foi operado a um tornozelo e vai ter de parar por três meses.

Getafe 0-1 Atlético Madrid (Torres 2)
Depois de na semana passada ter atingido a centena de golos ao serviço do Atlético, Fernando Torres voltou a ser decisivo e marcou um golo nos primeiros minutos que permitiu aos “colchoneros” igualar o Barcelona na liderança da Liga espanhola. O clube da capital tem mais dois jogos disputados que os catalães, que esta noite recebem o Celta Vigo. Nem tudo foi positivo para Diego Simeone, que perdeu Yannick Carrasco com uma lesão num tornozelo no início do segundo tempo.

©AFP/Getty Images

Barcelona 6-1 Celta Vigo (Messi 28, Suárez 59 75 81, Rakitić 84, Neymar 90 + 1; Guidetti 39pen)
Luis Suárez fez um hat-trick na goleada do Barcelona e destacou-se de Cristiano Ronaldo na tabela dos melhores marcadores da Liga espanhola. Lionel Messi deu vantagem à equipa da casa numa excelente conversão de um livre, mas John Guidetti empatou ainda antes do intervalo. Suárez recolocou os anfitriões em vantagem e ainda marcou mais dois golos, atingindo os 23 no campeonato, com destaque para o que resultou de uma jogada espectacular numa grande penalidade batida por Messi. Ivan Rakitić e Neymar apontaram mais dois golos nos minutos finais e o Barça voltou a destacar-se por três pontos na liderança.

Este blogue está encerrado, mas os preparativos para os primeiros jogos dos oitavos-de-final, marcados para esta semana, voltam a ser acompanhados em detalhe na segunda-feira.

Tommy Kell

Carlos Machado

John Atkin

Redacção alemã do UEFA.com

Redacção francesa do UEFA.comRedacção francesa do UEFA.com

Tommy Kell

UEFA.com Italian newsdesk

UEFA.com newsdesk

UEFA.com Portuguese newsdesk, Lisbon

Wayne Harrison