O "site" oficial do futebol europeu

Swansea bate Chelsea e disputa final inédita

Publicado: Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2013, 23.55CET
O Swansea afastou o Chelsea e garantiu um lugar na final da Taça da Liga inglesa, numa noite de grandes emoções nas taças por toda a Europa, em que Roma, Sevilha e Hapoel Haifa somaram vitórias.
Swansea bate Chelsea e disputa final inédita
Os jogadores do Swansea comemoram a passagem à final da Taça da Liga inglesa ©AFP

Especiais UEFA.com

Contas necessárias para o apuramento
  • Contas necessárias para o apuramento
  • Zahovič e Maribor ansiosos pela estreia no Grupo G
  • Veja os cinco melhores golos acrobáticos na Champions League
  • Jogadores a seguir na fase de grupos
  • "Masterclass": Xavi sobre passe e controlo de bola
  • Estreantes prontos para o primeiro jogo
  • Escolhas da Semana do Futebol
  • Berezovski e Frick juntam-se aos internacionais quarentões
  • Apresentação do futebol em Gibraltar...
  • Given com "assuntos por tratar" na selecção
1 de 10
Publicado: Quarta-feira, 23 de Janeiro de 2013, 23.55CET

Swansea bate Chelsea e disputa final inédita

O Swansea afastou o Chelsea e garantiu um lugar na final da Taça da Liga inglesa, numa noite de grandes emoções nas taças por toda a Europa, em que Roma, Sevilha e Hapoel Haifa somaram vitórias.

Inglaterra
A Taça da Liga inglesa vai ter um novo vencedor esta época, já que o Swansea City AFC impôs um nulo ao Chelsea FC no encontro disputado no País de Gales e seguiu em frente nas meias-finais com um total de 2-0. O empate na segunda mão foi suficiente para o Swansea garantir a primeira presença da sua história numa final importante. A equipa de Michael Laudrup vai medir forças no Estádio de Wembley, a 24 de Fevereiro, com o Bradford City AFC, o tomba-gigantes do quarto escalão. Gary Cahill, do Chelsea, e Nathan Dyer, do Swansea, desperdiçaram as melhores oportunidades de cada uma das equipas, enquanto o extremo Eden Hazard foi expulso e deixou os visitantes em inferioridade numérica nos últimos minutos.

Na Premier League, o Arsenal FC goleou o West Ham United FC por 5-1 e ficou a apenas um ponto do Everton FC, que ocupa o quinto lugar. Lukas Podolski, Olivier Giroud (2), Santi Cazorla e Theo Walcott marcaram para a equipa da casa, que não de deixou afectar pelo golo apontado por Jack Collison que deu vantagem ao West Ham.

França
O Paris Saint-Germain FC, que está na liderança da Ligue 1, derrotou o Toulouse FC por 3-1. Kevin Gameiro, Javier Pastore e Lavezzi Ezequiel marcarem no encontro disputado na capital francesa e permitiram um dos triunfos mais tranquilos nos jogos da décima ronda da Taça de França. O AS Saint-Étienne, finalista da Taça da Liga francesa, foi forçado a um desempate no reduto dos amadores do CS Meaux nos 16 avos-de-final. A equipa do sétimo escalão, que jogou mais de 80 minutos reduzida a dez jogadores, acabou por perder por 5-3 nas grandes penalidades. O FC Girondins de Bordeaux venceu de forma tangencial, por 2-1, em casa do AS Moulins, do quarto escalão, enquanto o AS Nancy-Lorraine, que ocupa o último lugar da Ligue 1, triunfou por 4-2 no desempate depois de o jogo no terreno do OGC Nice ter terminado com 2-2 no marcador. O FC Sochaux-Montbéliard foi vencer por 3-2 a casa do Montpellier Hérault SC.

Israel
O Hapoel Haifa FC conquistou pela segunda vez a Taça da Liga israelita ao bater por 1-0, após prolongamento, o Hapoel Beer Sheva FC, na final disputada em Petah Tikva. O defesa Touvarno Pinas apontou o único golo do encontro no terceiro minuto do prolongamento, num remate feliz em que a bola sofreu um desvio, isto depois do avançado Ido Exbard, do Beer Sheva, ter permitido que o guarda-redes Kale Dreshler defendesse uma grande penalidade aos 87 minutos. O treinador Nir Klinger espera que este triunfo, o primeiro do Hapoel nesta competição desde 2000/01, permita a recuperação da equipa que ocupa o penúltimo lugar do campeonato: "É um dos dias mais felizes da minha carreira. Vamos ter de trabalhar muito para evitar a despromoção, mas a viagem começa aqui."

Itália
Depois de Juventus e S. S. Lazio terem empatado 1-1 na terça-feira, esta quarta-feira foi a vez da AS Roma bater o FC Internazionale Milano, por 2-1, no Stadio Olímpico. A equipa de Zdeněk Zeman dominou o encontro e ganhou vantagem com golos de Mattia Destro e Alessandro Florenzi, aos 13 e aos 33 minutos, respectivamente, mas Rodrigo Palacio fez renascer as esperanças do Inter à passagem da meia-hora. A segunda mão está marcada para 17 de Abril em Milão.

Espanha
O Sevilla FC tornou-se no primeiro clube a garantir uma vaga nas meias-finais da Taça de Espanha ao golear por 4-0 o Real Zaragoza, que terminou o encontro disputado na Andaluzia reduzido a nove jogadores. A equipa de Unai Emery arrancou para vitória depois do defesa José Fernández ter visto um cartão vermelho, aos 25 minutos, por uma falta sobre José Antonio Reyes, com Álvaro Negredo e Ivan Rakitić a marcarem antes do intervalo. Negredo, de grande penalidade, e Manu, nos minutos finais, castigaram ainda mais a equipa do Saragoça, que ficou em maior inferioridade depois da expulsão de Fran González aos 65 minutos. A primeira mão tinha terminado 0-0.

O jogo mais tardio dos quartos-de-final também foi bastante agitado, com o Real Madrid CF, que tinha uma vantagem de 2-0, a impor um empate a um golo ao Valencia CF no Mestalla. Ricardo Costa e João Pereira foram titulares na defesa dos anfitriões e não conseguiram impedir Karim Benzema de colocar a equipa de José Mourinho em vantagem aos 44 minutos. Cristiano Ronaldo e Fábio Coentrão alinharam pelos visitantes, mas o defesa viu o segundo cartão amarelo pouco antes de Tino Costa empatar, aos 52 minutos, na marcação de um livre. Ángel Di María foi expulso em período de compensação por pontapear um adversário e o Real Madrid terminou com nove jogadores.

Última actualização: 24-01-13 9.41CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/memberassociations/news/newsid=1913596.html#swansea+bate+chelsea+disputa+final+inedita

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • A palavra UEFA, o logótipo da UEFA e todas as marcas relativas às competições da UEFA estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.