UEFA encontra-se com grupos de adeptos

Representantes de grupos de adeptos apresentaram à UEFA os seus progressos e projectos futuros durante uma reunião entre ambos em Nyon, na Suíça.

A reunião decorreu na Casa do Futebol Europeu
A reunião decorreu na Casa do Futebol Europeu ©UEFA.com

A UEFA reuniu-se com grupos de representantes de adeptos na Casa do Futebol Europeu, em Nyon, na Suíça, continuando assim o seu trabalho em conjunto com os fãs em prole da modalidade.

A UEFA fez-se representar neste encontro anual pelo seu Presidente, Michel Platini, por William Gaillard, conselheiro do Presidente, e por membros da administração. Os grupos de adeptos estiveram representados pela Associação de Adeptos Europeus (FSE), pela Supporters Direct (SD) Europa, e pelo Centro para Acesso ao Futebol na Europa (CAFE), organismos reconhecidos pela UEFA e que contam com o seu apoio.

"O nosso trabalho conjunto é extremamente positivo, mas pode-se sempre melhorar", referiu Platini no seu discurso de abertura. "Esta é uma reunião extremamente importante para nós, de forma a desenvolvermos soluções para alguns dos problemas que o futebol enfrenta. Eu também sou um adepto e estes encontros são vitais para toda a família do futebol."

Os grupos de adeptos apresentaram um balanço dos progressos registados, bem como os seus projectos futuros. Questões como a ligação com os adeptos, o licenciamento dos clubes, o acesso aos estádios do UEFA EURO 2016 e alguns assuntos disciplinares estiveram entre os temas em agenda, com os grupos a proporem diversas medidas de melhoramento.

A UEFA agradece aos grupos de adeptos o seu trabalho e as opiniões por eles apresentadas no que toca às necessidades e preocupações em relação aos adeptos do futebol europeu, assegurando-lhes o seu contínuo empenho neste trabalho de parceria para lhes oferecer sempre a atenção devida no futuro.