Clubes recompensados pelo êxito do EURO 2012

Um total de 575 clubes, representando as federações da UEFA, vai beneficiar das receitas que resultaram do sucesso do EURO 2012 e das competições de selecções em geral.

Os clubes receberam parte das receitas do UEFA EURO 2012
Os clubes receberam parte das receitas do UEFA EURO 2012 ©Getty Images

Um total de 575 clubes vai beneficiar da distribuição de receitas do UEFA EURO 2012 de acordo com o novo Memorando de Entendimento que foi assinado em Março entre a UEFA e Associação Europeia de Clubes (ECA).

A UEFA concluiu esta terça-feira o cálculo dos valores a serem transferidos às federações membros, que depois se encarregarão de os distribuir pelos clubes que contribuíram para o sucesso do UEFA EURO 2012 e das selecções nacionais em geral, especialmente nas épocas de 2010/11 e de 2011/12. Um total de 575 clubes vão ser beneficiados, naquele que constitui um aumento substancial em relação ao que aconteceu após o UEFA EURO 2008, quando apenas 180 clubes foram recompensados monetariamente.

A UEFA disponibilizou 100 milhões de euros: 40 milhões destinados aos clubes que disponibilizaram jogadores para os encontros de qualificação e os restantes 60 milhões reservados às equipas que tiveram jogadores a competir na fase final. Os clubes recebem uma verba igual por cada jogador participante em jogos da fase de qualificação e um montante fixo por jogador, por dia, na fase final, ponderado de acordo com o nível do clube no futebol europeu.

Os seis clubes com maiores benefícios do UEFA EURO 2012 são:
FC Bayern München 3.095.393 de Euros
Real Madrid CF 2.996.585 de Euros
FC Barcelona 2.210.202 de Euros
Manchester City FC 2.069.465 de Euros
Juventus 2.023.012 de Euros
Liverpool FC 1.972.376 de Euros

A lista completa dos clubes, com os montantes recebidos por cada um

Para poderem receber uma parte das receitas do UEFA EURO 2012, os clubes foram convidados a preencher, assinar e devolver um formulário à UEFA, no qual se comprometem a apoiar as competições reservadas às selecções nacionais e a cumprir os regulamentos da FIFA sobre a dispensa de jogadores.

O Presidente da UEFA, Michel Platini, comentou a esta partilha das receitas do UEFA EURO 2012 com os clubes: "Estou muito contente por podemos disponibilizar aos clubes os benefícios financeiros da UEFA EURO 2012 de forma a recompensar o contributo que deram para a prova. Este Verão presenciámos uma fantástica fase final do Campeonato Europeu da UEFA e estou satisfeito por os clubes também poderem ser associados ao sucesso da competição".

Karl-Heinz Rummenigge, o presidente da ECA, afirmou: "A Associação Europeia de Clubes está satisfeita que a contribuição dos clubes para o sucesso do UEFA EURO 2012 tenha sido reconhecida e justamente recompensada pela UEFA. Isto mostra o excelente relacionamento que existe na família do futebol na Europa e como trabalhamos em conjunto para definir o futuro do nosso desporto".

No UEFA EURO 2016 o objectivo é distribuir um total de 150 milhões de euros.