O "site" oficial do futebol europeu

Arbitragem

rate galleryrate photo
1/0
counter
  • loading...

Calendário

Arbitragem

A arbitragem ao mais alto nível precisa de desenvolver-se constantemente, para manter-se a par das exigências decorrentes do ritmo elevado do futebol moderno.

A velocidade e movimentação do futebol de alto nível da actualidade, aliada à intensa atenção dos media à acção no relvado, significa que os árbitros têm de estar bem preparados, ser atletas em perfeita condição física, que também tenham perspicácia táctica, força mental para aguentarem a pressão e a capacidade de tomar decisões em fracções de segundos com confiança e consistência.

As actividades de arbitragem da UEFA mantiveram-se a par das exigências colocadas pelo futebol masculino e feminino. Em conjunto com as suas 55 federações-membro, a UEFA tem especial cuidado na fomentação e promoção do sector da arbitragem europeu – apoiando os árbitros de elite e aqueles em início de carreira, e garantindo que os estreantes na lista da UEFA têm as instruções necessárias e conselhos para as suas funções.

O Comité de Arbitragem da UEFA, auxiliado pela unidade de arbitragem da UEFA, localizada na sede do organismo, em Nyon, Suíça, lida com todos os assuntos que dizem respeito à arbitragem. Os membros do comité são antigos árbitros experientes, que transmitem uma variedade de conselhos e experiência à próxima geração que segue as suas pisadas. O antigo árbitro italiano Pierluigi Collina, que dirigiu grandes finais mundiais e europeias, é o responsável pela arbitragem da UEFA.

A UEFA realiza duas grandes reuniões de arbitragem ao longo do ano – os cursos de Inverno da UEFA, no final de Janeiro, para os estreantes na lista de internacionais FIFA e os árbitros de elite europeus, e um evento em Agosto cujo objectivo é preparar a nova temporada. Os cursos contam, entre outras coisas, com testes físicos, análises de situações de jogo, para ajudarem os árbitros na busca constante por melhorias e consistência no processo de decisão, e troca de experiências e ideias entre a comunidade arbitral. Em 2013, as principais árbitras foram convidadas pela primeira vez para os cursos de árbitros da UEFA. A UEFA também realiza cursos e "workshops" para árbitros-assistentes e árbitros de futsal, para os ajudar no seu papel específico.

A condição física e preparação são componentes-chave do programa diário do árbitro moderno, e uma equipa especializada, liderada pelo perito belga Werner Helsen, está sempre pronta para aconselhar os árbitros sobre assuntos físicos e dietéticos, bem como para dirigir e supervisionar as sessões de treino nos cursos da UEFA.

Os observadores de árbitros, todos antigos árbitros experientes, deslocam-se por toda a Europa para avaliar os árbitros. Assistem a jogos da UEFA a todos os níveis para observar os árbitros, classificar o seu desempenho e servirem como conselheiros importantes após o jogo, na análise a incidentes registados e decisões tomadas.

A Convenção da UEFA sobre Formação e Organização de Árbitros, que conta presentemente com 53 federações como membros a tempo inteiro e uma a tempo parcial, pretende destacar a formação de árbitros, promovendo o papel do árbitro e melhorando as infra-estruturas arbitrais e de desenvolvimento na Europa.

A ajuda dada pela UEFA aos jovens árbitros tem dado resultados consideráveis. Muitos dos árbitros de topo têm ascendido ao patamar mais elevado da profissão após terem recebido orientação através do programa de mentores e talentos da UEFA, onde um grupo de árbitros em ascensão são ajudados por mentores experientes, eles próprios antigos árbitros internacionais.

A partir do Verão de 2010, os jovens árbitros europeus receberam ainda mais apoio valioso por parte do Centro de Excelência da Arbitragem da UEFA (CORE). O objectivo principal é desenvolver as capacidades técnicas e condição física de jovens árbitros promissores, que mostram o potencial para no futuro se tornarem árbitros internacionais. Agora, as jovens árbitras promissoras também fazem parte das actividades do CORE.

http://pt.uefa.com/insideuefa/protecting-the-game/refereeing/index.html#arbitragem