Noruega

NoruegaFederação Norueguesa de Futebol

O "site" oficial do futebol europeu

Ligação familiar

O futebol faz parte da vida das pessoas na Noruega e é um desporto que agrada a toda a família.
Ligação familiar
A Noruega festeja o seu famoso triunfo por 2-1 sobre o Brasil no Campeonato do Mundo de 1998 ©Getty Images

Ligação familiar

O futebol faz parte da vida das pessoas na Noruega e é um desporto que agrada a toda a família.

Os primeiros sinais do futebol na Noruega remontam a 1902, quando representantes dos clubes Grane Nordstrand, FC Lyn Oslo, SFK Lyn e Spring fundaram a Federação Norueguesa de Futebol (Norges Fotballforbund – NFF). Desde então, a modalidade cresceu exponencialmente em popularidade ao longo dos últimos 100 anos.

O primeiro jogo internacional da Noruega aconteceu em 1908, contra a vizinha Suécia. Depois do excelente começo da partida, em os estreantes marcaram logo no primeiro minuto, os noruegueses acabaram por soçobrar estrondosamente, saindo derrotados por esclarecedores 11-3. Foram precisos dez anos para a Noruega vencer um desafio internacional e a vítima foi a Dinamarca, em 1918.

Se essa vitória diante dos dinamarqueses, por 3-1, foi bem recebida, o primeiro grande sinal do desporto na Noruega aconteceu em 1936, nos Jogos Olímpicos de Berlim. O conjunto nórdico venceu a Alemanha, anfitriã e favorita à medalha de ouro, por 2-0, antes de conquistar o terceiro lugar da competição mercê do triunfo sobre a Polónia, por 3-2. Essa equipa ainda hoje é lembrada como a famosa "equipa de bronze".

Nos 50 anos posteriores, a Noruega atingiu pontualmente alguma notoriedade graças a alguns bons resultados. As vitórias frente à Suécia, por 2-1 em 1960, à Escócia, por 4-3 em 1963 e no apuramento para o Campeonato do Mundo de 1982, por 2-1, frente à Inglaterra, destacam-se de entre os resultados. Ainda assim, eram precisos desempenhos mais consistentes.

A década de 1090 trouxe progresso nessa área. A selecção principal qualificou-se para as fases finais do Mundial de 1994 e 1998, destacando-se, nesta última competição, realizada em França, a espectacular vitória, por 2-1, sobre o Brasil, detentor do troféu, que lhe garantiu o acesso aos oitavos-de-final. Os noruegueses não conseguiram depois o apuramento para o Mundial de 2002 e para o UEFA EURO 2004™, mas mostraram ter capacidade para alcançar bons resultados.

O futebol feminino também cresceu muito em popularidade nos últimos 30 anos. É, actualmente, o desporto número um na Noruega para as mulheres, com 80 mil praticantes activas. Os feitos da selecção nacional mostram bem o estatuto que a modalidade desfruta no país. A equipa feminina norueguesa venceu a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Sidney, em 2000, o Campeonato do Mundo em 1995 e o Europeu por duas vezes, em 1987 e 1993. No entanto, a NFF não está apenas apostada no desenvolvimento do desporto para os adultos, dado que também tem vindo a apostar forte nos derradeiros 25 anos na promoção do desporto entre as crianças.

Usando estudos científicos para analisar as capacidades das crianças para o futebol, a NFF introduziu medidas de encorajamento aos mais novos, de maneira a preservar o futebol. Por exemplo, a medida de reduzir o número de jogadores em campo das equipas de 11 para sete revelou-se bastante positiva. A verdade é que a NFF exibe, com orgulho, o maior número de praticantes entre adultos e crianças de ambos os sexos, de todas as organizações da Noruega. O seu lema, "Futebol para todos", simboliza a família do futebol acessível a todos, independentemente da raça, sexo, cor ou passado.

Com tão fortes alicerces, a NFF espera agora aumentar ainda mais o número de praticantes da modalidade, sendo que ele se cifra actualmente em 325 mil, o que faz da Noruega um dos maiores países da Europa na relação população/número de praticantes. A isto há que somar 60 mil voluntários e 20 mil treinadores que ajudam a desenvolver a modalidade. Estes jogadores compõem um total de 20 mil equipas de 1800 clubes em 18 associações regionais, e, todos os anos, cerca de 20 mil pessoas frequentam um dos muitos cursos ministrados por essas associações. Tudo isto mantém o desporto em grande forma no presente e, mais importante ainda, com um brilhante futuro pela frente.

http://pt.uefa.com/insideuefa/member-associations/association=nor/news/newsid=947349.html#ligacao+familiar

Passar ao topo  

Presidente

 

Terje Svendsen

Terje Svendsen

Nacionalidade: Norueguesa
Data de nascimento: 14 de Fevereiro de 1956
Presidente da federação desde: 2016

• Terje Svendsen deu nas vistas a nível directivo durante vários anos, tendo feito parte da direcção do Rosenborg desde 2000, acabando por tornar-se presidente do clube, entre 2006 e 2012. Também fez parte do organismo que gere a liga norueguesa, de 2011 até à actualidade.

• Fora do futebol, construiu uma carreira no sector da banca e do imobiliário, ocupando o cargo de gestor no Fokus Bank durante vários anos. No imobiliário, possui mais de 25 anos de experiência a nível directivo em várias empresas.

• Svendsen foi eleito presidente da Federação Norueguesa de Futebol em Fevereiro de 2016. "Espero que a minha liderança seja pontuada pela abertura e transparência, e que seja um presidente receptivo", disse.

Secretário-Geral

 

Pål Bjerketvedt

Pål Bjerketvedt

Nacionalidade: norueguês 

Data de nascimento: 28 de Março de 1960

Secretário-geral da federação desde: 2016

Pål Bjerketvedt foi nomeado secretário-geral da Federação Norueguesa de Futebol (NFF) em Novembro de 2016. "O futebol norueguês dá um grande contributo à sociedade e tem muito significado para inúmeras pessoas, do futebol infantil até à selecção nacional sénior. É um privilégio enorme para mim ter a oportunidade de liderar este organismo", afirmou.

• Jogou futebol no clube norueguês Sprint-Jæløy entre 1980 e 1988, mas a carreira profissional de Bjerketvedt foi feita principalmente na comunicação social. Começou em meados da década de 1980 e possui muitos anos de experiência de liderança de vários jornais e empresas de comunicação social norueguesa.

• Antes de entrar para a NFF, Bjerketvedt foi director-executivo e editor-chefe da Norsk telegrambyrå (NTB) - a agência norueguesa de telegramas - cargo que exerceu durante 12 anos. Entre 2008 e 2011 foi também membro da direcção da European Alliance of News Agencies.

Dados da Federação

  • Fundação: 1902
  • Afiliação à UEFA: 1954
  • Afiliação à FIFA: 1908
  • Morada: Serviceboks 1 Ullevål Stadium 0840 OSLO
  • Telefone: +47 2102 9300
  • Fax: +47 2102 9301

Coeficiente de clubes por país

PaísClubesPts
26 CazaquistãoCazaquistão3/415.000
27 EscóciaEscócia2/414.875
28 NoruegaNoruega4/414.300
29 LiechtensteinLiechtenstein1/113.000
30 SérviaSérvia2/413.000
Última actualização: 10/07/2017 10:20 CET

Palmarés das Selecções Nacionais

Competições domésticas