Danilevičius eleito na Lituânia

Antigo capitão da Lituânia e melhor marcador de sempre da selecção principal do seu país, Tomas Danilevičius foi eleito presidente da Federação Lituana de Futebol.

Tomas Danilevičius, presidente da Federação Lituana de Futebol
Tomas Danilevičius, presidente da Federação Lituana de Futebol ©Vaidotas Januška

Lenda do futebol lituano, Tomas Danilevičius foi eleito como o novo presidente da Federação Lituana de Futebol (LFF).

Antigo capitão da Lituânia e melhor marcador de sempre da selecção principal do seu país, Danilevičius vai cumprir um mandato de dois anos na presidência. O cargo encontrava-se vago desde Maio, com a a saída de Edvinas Eimontas.

Danilevičius, que completou 39 anos de idade em Julho, somou 72 internacionalizações pela selecção principal da Lituânia, a qual capitaneou durante vários anos, e apontou um total de 19 golos, registo que constitui um recorde. Durante a sua carreira de futebolista jogou na Bélgica, Inglaterra, Itália, Rússia, Escócia, Eslovénia e Suíça. Disputou mais de 50 jogos na Serie A, a maior parte dos quais com a camisola do Livorno.

“Dediquei grande parte da minha vida ao futebol,” afirmou Danilevičius, “e sempre fui um apologista do trabalho de equipa. Sei o que significa ser um líder e tenho confiança nos outros. Penso que muitas coisas se encontram já em desenvolvimento e que a LFF aporvou já recentemente novos estatutos e uma nova estratégia.” Danilevičius esteve, recentemente, envolvido num projecto de prospecção de jogadores da LFF.

No Congresso Extraordinário da LFF foi ainda tomada uma decisão importante, com Ingrida Siliūnienė a ser eleita para o Comité Executivo da LFF, tornando-se na primeira mulher de sempre a integrá-lo. Com 44 anos de idade, tinha já no passado feito história ao tornar-se na primeira árbitra lituana nas competições masculinas da UEFA.