UEFA faz novo donativo de €100.000 ao CICV

Kevin De Bruyne entregou um cheque ao Comité Internacional da Cruz Vermelha, em nome da UEFA, para apoiar programas de reabilitação no Afeganistão.

Kevin De Bruyne entregou o cheque de €100,000 destinado ao CICV
Kevin De Bruyne entregou o cheque de €100,000 destinado ao CICV ©UEFA via Getty Images

010 - Kevin De Bruyne foi eleito para a Equipa do Ano de 2017 dos Adeptos do UEFA.com

A UEFA assinalou 11 anos de apoio às vítimas de minas terrestres no Afeganistão na quarta-feira, dia em que Kevin De Bruyne, médio do Manchester City, entregou um cheque €100.000 ao Comité Internacional da Cruz Vermelha (CICV).

De Bruyne recebeu o cheque de Peter Gilliéron, membro do Comité Executivo da UEFA e presidente do Comité de Fair Play e Responsabilidade Social da UEFA, e entregou-o a Dominik Stillhart, director-geral de operações do CICV, antes do jogo da segunda mão dos oitavos-de-final da UEFA Champions League entre o Manchester City e o Basileia, no City of Manchester Stadium.

"Quero agradecer ao CICV pelo trabalho incansável que tem realizado no apoio às vítimas de minas terrestres, muitas das quais são crianças. Este programa no Afeganistão tem mostrado ao longo dos últimos anos que o futebol pode fazer a diferença na vida das pessoas", afirmou o Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin.

"É importante que a UEFA apoie o futebol a todos os níveis e que sublinhe o impacto positivo que o deporto pode ter no apoio ao processo de reabilitação de tantas pessoas nesta região problemática", acrescentou.

O donativo visa apoiar o programa de reabilitação física do CICV para vítimas de minas terrestres e outras pessoas portadoras de deficiência no Afeganistão, oferecendo próteses, fisioterapia, treino vocacional e acesso à equipa de futebol do centro de reabilitação. Cerca de um terço destes pacientes são crianças.

"É sempre uma boa causa quando temos oportunidade de ajudar, de qualquer forma, pessoas com problemas físicos ou outro tipo de deficiência. Como jogadores de futebol, temos a sorte de ter tudo o que precisamos na vida, pelo que é muito bom se pudermos ajudar outras pessoas", afirmou.

O internacional belga foi escolhido para entregar o cheque após ter sido eleito para a Equipa do Ano de 2017 dos Adeptos do UEFA.com, anunciada em Janeiro. De Bruyne teve a honra de ser o primeiro belga escolhido para esta equipa, a par do compatriota Eden Hazard, para além de ter sido o primeiro jogador do Manchester City a receber esta distinção.

Actualmente, o CICV possui seis centros ortopédicos no Afeganistão para tratar vítimas de minas terrestres e também oferece vários programas de ajuda para reintegrar os pacientes na sociedade.

"Esperamos que as crianças, que são quase um terço dos pacientes nos nossos centros de reabilitação no Afeganistão, venham a beneficiar disto, enquanto a interacção com De Bruyne irá ajudar a estimular a sua auto-estima e paixão", destacou Stillhart. "Este donativo irá suportar parcialmente o funcionamento diário dos centros ortopédicos do CICV no Afeganistão, que já trataram cerca de 162.000 pacientes registados."

Nesta parceria que já dura há 20 anos, a UEFA doou mais de €3,5 milhões ao CICV para ajudar pessoas desfavorecidas a nível mundial. Na escolha da Equipa do Ano de 2017 dos Adeptos do UEFA.com foram registados mais de 8,7 milhões de votos. Mais informações sobre o prémio estão disponíveis "online" em pt.toty.uefa.com.

Fotos e vídeos:
As fotografias da entrega do cheque podem ser consultadas aqui
• Entrevistas com Kevin De Bruyne e Dominik Josef Stillhart podem ser vistas aqui: https://uefa.box.com/v/ICRCChequeHandover

Topo