Presidente da UEFA elogia crescimento do futebol na Lituânia

De visita à Lituânia, o Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, descreveu o novo acordo de cooperação entre a Federação Lituana de Futebol e o governo local como um passo vital para o crescimento da modalidade no país.

Da esquerda para a direita: a presidente do Comité Olímpico da Lituânia, Daina Gudzinevičiūtė, Aleksander Čeferin, o primeiro-ministro lituano, Saulius Skvernelis, o presidente da LFF, Tomas Danilevičius, e Elvinas Jankevičius, primeiro-ministro adjunto.
Da esquerda para a direita: a presidente do Comité Olímpico da Lituânia, Daina Gudzinevičiūtė, Aleksander Čeferin, o primeiro-ministro lituano, Saulius Skvernelis, o presidente da LFF, Tomas Danilevičius, e Elvinas Jankevičius, primeiro-ministro adjunto. ©LFF
Aleksander Čeferin e Tomas Danilevičius
Aleksander Čeferin e Tomas Danilevičius©LFF

O presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, visitou a Lituânia no dia em que a federação nacional de futebol daquele país assinou um acordo de cooperação com o governo local com vista ao desenvolvimento do futebol lituano.

Numa cerimónia presenciada por Čeferin, o acordo foi assinado pelo presidente da Federação Lituana de Futebol (LFF), Tomas Danilevičius, e pelo primeiro-ministro da Lituânia, Saulius Skvernelis.

Este acordo levará o governo a oferecer apoios ao desenvolvimento do futebol jovem no país, ao melhoramento dos actuais estádios e à concretização de um projecto para um centro nacional de treinos.

O presidente da UEFA, que também esteve reunido com a direcção da LFF na sede daquele organismo, em Vilnius, destacou a importância do acordo, apontando-o como um passo em frente para o futebol lituano e para as suas infra-estruturas. 

Aleksander Čeferin à conversa com os jornalistas
Aleksander Čeferin à conversa com os jornalistas©LFF

“A Lituânia é um membro importante da UEFA,” afirmou. “É por isso que governo, federação nacional e UEFA são parceiros perfeitos.”

“Se todos contribuirmos com os nossos conhecimentos e fundos podemos construir uns bons alicerces. Prometemos fundos concretos a esta federação.”

A Lituânia vai estar no centro das atenções dentro de algumas semanas, quando albergar a fase final da mais recente edição do Campeonato da Europa Feminino de Sub-17 da UEFA, entre 9 e 21 de Maio.

Čeferin elogiou os esforços incansáveis da LFF na tentativa de tornar o futebol no desporto número um na Lituânia até 2020. “Roma não se fez num dia,” reflectiu, “mas quero frisar que a federação não está sozinha nessa luta.”

“E a confirmá-lo está este acordo agora assinado, que a UEFA apoia a 100 por cento. Esperamos que o governo contribua significativamente para este progresso.” 

“Um dos aspectos mais importantes para o bem-estar do futebol são as infra-estruturas, cuja qualidade ajuda a desenvolver futebolistas de alto nível. E é por isso que este acordo entre LFF e governo é tão importante.”

Tomas Danilevičius descreveu o acordo como “o início do rejuvenescimento do futebol lituano. Estes novos projectos serão a chave para a criação de boas infra-estruturas e para o surgimento de futebolistas de alta qualidade.”

“As estatísticas mostram que o futebol é já o desporto mais popular a nível da formação,” acrescentou. “e o futebol lituano tem oportunidade de se tornar no desporto mas popular do país até 2020. Este apoio que agora temos do governo constitui um passo em frente essencial.”

“A LFF, o governo da Lituânia e a UEFA sabem que sem um esforço conjunto não há resultados.”

Topo