Futebol europeu de luto por Davide Astori

O Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin, expressou o choque e a tristeza da UEFA pela morte súbita de Davide Astor, defesa de 31 anos da Fiorentina e da selecção de Itália.

©Getty Images

O futebol italiano e europeu está de luto pela morte súbita, aos 31 anos, de Davide Astori, capitão da Fiorentina e internacional italiano. Será prestado um minuto de silêncio em sua homenagem antes do início de todos os jogos desta semana da UEFA Champions League e da UEFA Europa League.

A morte do defesa foi anunciada este domingo, antes do jogo da Serie A com a Udinese, que foi posteriormente cancelado, tal como os restantes encontros da Serie A e da Serie B.

"A Fiorentina está profundamente abalada por ter de anunciar a morte do seu capitão, Davide Astori", explicou o clube em comunicado.

Astori começou a carreira na academia do Milan e destacou-se ao serviço do Cagliari, disputando 174 jogos no campeonato pelo clube da Sardenha antes de ser emprestado à Roma na época de 2014/15. Passou a representar a Fiorentina no Verão seguinte, inicialmente por empréstimo, antes de assinar definitivamente pelo clube de Florença. Foi nomeado capitão de equipa no início desta época.

Astori somou 14 internacionalizações por Itália entre 2011 e 2017.
"A UEFA está profundamente chocada e triste pela morte de Davide Astori, um talentoso futebolista que era muito dedicado ao nosso desporto", afirmou o Presidente da UEFA, Aleksander Čeferin.

"Em nome do futebol europeu, desejo expressar as minhas profundas condolências à família, à Fiorentina, à Federação Italiana de Futebol e a toda a comunidade do futebol italiano".

Topo