O "site" oficial do futebol europeu

Factos e números

A UEFA organiza as competições de futsal desde 1996 e o UEFA.com tem os factos, números e recordes.
Factos e números
Eder Lima (Russia) ©Sportsfile
 

Caminho até à final

O UEFA Futsal EURO 2018 é composto por uma fase preliminar, uma fase principal, um "play-off" e uma fase final com 12 selecções, a disputar na Eslovénia.

Fase preliminar
Cinco grupos de quatro equipas e dois de três, cada um deles disputado num só local, no formato de mini-torneio, entre 23 de Janeiro de 1 de Fevereiro de 2017. Os sete vencedores dos grupos rumam à fase principal.

Fase principal
Os sete da fase preliminar que seguem em frente juntam-se às 21 selecções melhor posicionadas no "ranking" para disputar sete grupos de quatro equipas, cada um deles realizado num só local, no formato de mini-torneio, entre 3 e 12 de Abril de 2017. Os sete vencedores dos grupos apuram-se para a fase final, onde terão a companhia da anfitriã Eslovénia, enquanto os sete segundos classificados e o terceiro melhor classificado participam no "play-off".

"Play-off"
As oito equipas serão sorteadas em quatro embates a duas mãos e jogos agendados para Setembro de 2017. Os quatro vencedores completam o alinhamento da fase final do torneio.

Fase final
A fase final do torneio, entre 30 de Janeiro e 10 de Fevereiro de 2018, começará com as 12 selecções finalistas divididas, por sorteio, em quatro grupos de três. As duas primeiras de cada grupo seguirão em frente para os quartos-de-final, a partir do qual o torneio prosseguirá no formato de eliminatórias.

Mais detalhes, incluindo os critérios de desempate de equipas que terminem um grupo com os mesmos pontos, poderão ser encontrados nos regulamentos oficiais da competição (em inglês).

Factos e números

A UEFA organiza as competições de futsal desde 1996 e o UEFA.com tem os factos, números e recordes.

Os anos referem-se sempre à data em que foi disputada a fase final.

Finais
2016: Espanha 7-3 Rússia; Belgrado, Sérvia
2014: Itália 3-1 Rússia; Antuérpia, Bélgica
2012: Espanha 3-1 Rússia (ap); Zagreb, Croácia
2010: Espanha 4-2 Portugal; Debrecen, Hungria
2007: Espanha 3-1 Itália; Porto, Portugal
2005: Espanha 2-1 Rússia; Ostrava, República Checa
2003: Itália 1-0 Ucrânia; Caseta, Itália
2001: Espanha 2-1 Ucrânia (golo de ouro); Moscovo, Rússia
1999: Rússia 3-3 Espanha (ap, 4-3 pens); Granada, Espanha
1996*: Espanha 5-3 Rússia; Cordoba, Espanha

*Torneio Europeu de Futsal - a prova só ganhou estatuto de Campeonato da Europa a partir de 1999.

Maiores vitórias
No apuramento: Rússia 31-0 República da Moldávia, 1996
Na fase final: Espanha 9-1 Bielorrússia, 2010

Mais golos num jogo
Qualificação: Konstantin Eremenko (Rússia) com 7 golos contra a República da Moldávia, 1996
Fase final: Serhiy Koridze (Ucrânia) com 5 golos frente a Portugal, 2003

Golo mais rápido na fase final
Felipe (Azerbaijão) frente à Sérvia, em 2012, aos 8 segundos

Jogo com mais golos
Sérvia 8-9 Azerbaijão, fase de grupos de 2012 

Mais golos numa fase final
Sérvia 2016, 129

Melhores marcadores no torneio
2016: Ricardinho (Portugal) 11
2014: Kristjan Čujec (Eslovénia), Sergio Lozano (Espanha) 9
2012: Cihan Özkan (Turquia), Darko Rangotov (ARJ Macedónia) 8
2010: Clayton Baptistella (Itália), Joel Queirós (Portugal) 10 
2007: Cihan Özcan (Turquia) 15
2005: Edwin Grünholz (Holanda) 10
2003: Serhiy Koridze (Ucrânia) 17
2001: Serhiy Koridze (Ucrânia) 13
1999: Konstantin Eremenko (Rússia) 20
1996: Konstantin Eremenko (Rússia) 23

Melhores marcadores na fase final
2016: Miguelín (Espanha)*, Mario Rivillos (Espanha)*, Alex (Espanha), Ricardinho (Portugal), Serik Zhamankulov (Cazaquistão) 6
2014: Eder Lima (Rússia) 8
2012: Torras (Espanha)*, Dario Marinović (Croácia) 5
2010: Saad Assis (Itália), Biro Jade (Azerbaijão), Javi Rodríguez (Espanha), Joel Queirós (Portugal) 5 
2007: Cirilo (Rússia), Daniel (Espanha), Predrag Rajić (Sérvia) 5
2005: Nando Grana (Itália) 6
2003: Serhiy Koridze (Ucrânia) 7
2001: Serhiy Koridze (Ucrânia) 7
1999: Konstantin Eremenko (Rússia) 11
1996: Konstantin Eremenko (Rússia) 8

*Venceu/partilhou Bota de Ouro adidas devido às assistências

Melhores marcadores
Fase final
Konstantin Eremenko (Rússia) 20
Daniel (Espanha) 16
Serhiy Koridze (Ucrânia), Ricardinho (Portugal) 15

Melhores marcadores (incluindo qualificação)
Konstantin Eremenko (Rússia) 44
Serhiy Koridze (Ucrânia) 39
Florin Matei (Roménia), Igor Moskvychov (Ucrânia) 32

Mais jogos
Fase final
Luis Amado (Espanha) 33
Kike (Espanha) 29
João Benedito (Portugal) 23

Mais jogos (incluindo qualificação)
Luis Amado (Espanha) 47
Arnaldo (Portugal) 40
Kike (Espanha) 39

Maiores assistências
Qualificação: Eslovénia - Rússia, Moscovo, 1999, 6000
Fase final: Croácia - Rússia, Zagreb, 2012, 14.300
Total de uma fase final: Sérvia 2016: 113.820 

(Apenas fase final)
Jogador mais velho: Andrey Tveryankin (Azerbaijão) - Sérvia, 03/02/2012, 44 anos e 334 dias
Marcador mais velho: Mico Martić (Croácia) - Polónia, 22/02/2001, 36 anos e 364 dias
Jogador mais novo: Cristian Rizzo (Itália) - Ucrânia, 23/01/2010, 18 anos e 355 dias 
Marcador mais novo: Adriano Foglia (Itália) - Rússia, 22/02/2001, 19 anos e 303 dias

Presenças na fase final (máx 10)
11: Itália*, Rússia*, Espanha*
10: Ucrânia*
9: Portugal*
8: República Checa
6: Eslovénia*, Jugoslávia/Sérvia*
5: Azerbaijão*, Bélgica, Croácia, Holanda
4: Roménia*
3: Hungria
2: Cazaquistão*, Polónia*
1: Bielorrússia, França*, Turquia

Incluindo 2018

Última actualização: 27-09-17 0.24CET

https://pt.uefa.com/futsaleuro/season=2018/finals/factsfigures/index.html#factos+numeros