SSI Err
O "site" oficial do futebol europeu

Equipa do Ano 2001

Publicado: Segunda-feira, 10 de Janeiro de 2011, 1.05CET
Na primeira peça de uma série sobre os dez anos da Equipa do Ano do UEFA.com, revisitamos a edição inaugural, em 2001, numa formação com cunho francês.
Equipa do Ano 2001
Equipa do Ano 2001 ©UEFA.com
 
Publicado: Segunda-feira, 10 de Janeiro de 2011, 1.05CET

Equipa do Ano 2001

Na primeira peça de uma série sobre os dez anos da Equipa do Ano do UEFA.com, revisitamos a edição inaugural, em 2001, numa formação com cunho francês.

Os jogadores franceses dominaram a edição inaugural da Equipa do Ano do UEFA.com, com cinco a entrarem no "onze" de 2001, treinado pelo compatriota Gérard Houllier.

Thierry Henry, do Arsenal FC, fez companhia a David Trezeguet, ex-colega no AS Monaco FC, na frente de ataque – uma dupla que ajudou a França a conquistar o UEFA EURO 2000. Zinédine Zidane foi o escolhido para jogar no seu apoio, num ano em que se transferiu da Juventus para o Real Madrid CF pela soma recorde de 75 milhões de euros, e onde o seu brilhantismo colocou o colosso espanhol no caminho para a glória na UEFA Champions League.

Patrick Vieira, do Arsenal, garantiu o lugar de médio defensivo, enquanto Bixente Lizarazu ocupou o lado esquerdo da defesa, completando o quinteto gaulês depois de levar a melhor sobre Amedeo Carboni, numa votação que contou com mais de três milhões de votos. Lizarazu desempenhou papel fundamental na vitória do FC Bayern München na UEFA Champions League; o mesmo se passou com Patrik Andersson, autor do golo com que os bávaros ganharam a Bundesliga, antes de ingressar no FC Barcelona nesse Verão.

Andersson fez parceria no eixo defensivo com Sami Hyypiä, figura emblemática do Liverpool FC de Houllier, que conquistou cinco troféus em 2001. O momento alto dessa campanha foi o triunfo na Taça UEFA, quando um golo a três minutos do fim do prolongamento valeu uma vitória memorável sobre o Deportivo Alavés, por 5-4. Cosmin Contra, defesa da equipa espanhola, que nesse Verão se transferiu para o AC Milan, foi eleito o lateral-direito da formação de 2001.

Dois dos finalistas vencidos da UEFA Champions League também mereceram a honra de fazer parte desta equipa, recebendo uma votação considerável nas respectivas posições: o guarda-redes Santiago Cañizares e o médio-esquerdo Kily González, ambos do Valencia CF. David Beckham, do Manchester United FC, levou a melhor sobre Luís Figo, adversário no título de Melhor Jogador do Ano FIFA, no flanco oposto. Para isso muito deve ter contribuído o golo nos instantes finais frente à Grécia, que permitiu o apuramento da Inglaterra para o Campeonato do Mundo de 2002.

Houllier foi eleito o melhor treinador, depois de um ano de incríveis altos e baixos. Depois de conduzir o Liverpool à conquista da Taça UEFA, Taça de Inglaterra, Taça da Liga, SuperTaça Europeia e Supertaça de Inglaterra, o francês foi submetido a uma cirurgia de emergência ao coração, em Outubro. Regressou em Março de 2002.

Equipa do Ano 2001 do UEFA.com
GR: Santiago Cañizares (Valencia CF e Espanha)
LD: Cosmin Contra (Deportivo Alavés/AC Milan e Roménia)
DC: Sami Hyypiä (Liverpool FC e Finlândia)
DC: Patrik Andersson (FC Bayern München/FC Barcelona e Suécia)
LE: Bixente Lizarazu (FC Bayern München e França)
MD: David Beckham (Manchester United FC e Inglaterra)
MC: Patrick Vieira (Arsenal FC e França)
MO: Zinédine Zidane (Juventus/Real Madrid CF e França)
ME: Kily González (Valencia CF)
AV: Thierry Henry (Arsenal FC e França)
AV: David Trezeguet (Juventus e França)

Treinador: Gérard Houllier (Liverpool FC)

A Equipa do Ano 2011 do UEFA.com será revelada na quarta-feira, dia 18 de Janeiro

Última actualização: 17-02-12 4.42CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/community/news/newsid=1585056.html#equipa+ano+2001

  • © 1998-2014 UEFA . Todos os direitos reservados.
  • A palavra UEFA, o logótipo da UEFA e todas as marcas relativas às competições da UEFA estão protegidas por marcas registadas e/ou direitos de autor da UEFA. As referidas marcas registadas não podem ser utilizadas para qualquer fim comercial. A utilização do UEFA.com implica o seu acordo com os Termos e Condições, e com a Política de Privacidade.